Curso de Japonês

O Japão é um país rico em cultura, gastronomia e tecnologia. Por ter um alfabeto diferente dos países do ocidente, aprender a falar japonês exigirá treino, persistência e muita vontade de aprender. Mas se você é um apaixonado por este pequeno país do outro lado do planeta, busca contato com a cultura ou quer mais oportunidades profissionais, vai ver o quanto o japonês pode te surpreender!

Matrícula com 20% OFF

de onde surgiu a

LINGUA JAPONESA

Paleolítica

O aparecimento das primeiras pessoas no Japão data da era Paleolítica, há cerca de 35 mil anos. Entre 11.000 e 500 A.C., estes povos desenvolveram um tipo de cerâmica designada de Jomon, considerada umas das mais antigas do mundo.

China

Muitos historiadores acreditam que os caracteres chineses chegaram por meio de monges Budistas, que ao irem para o Japão por volta do século V, levaram consigo textos chineses. Em um primeiro momento, estes textos teriam sido lidos em chinês, mas com o passar dos anos, um sistema conhecido como kanbun foi desenvolvido: o novo sistema basicamente usava sinais para permitir que os símbolos chineses fossem usados como representação das palavras japonesas, preservando-se assim a língua nativa.

Transição

Durante o século VIII, época em que crescia a literatura japonesa, muitos símbolos chineses foram simplificados, dando origem a um sistema baseado em fonemas que conhecemos hoje como hiragana. Nessa época, apesar das japonesas não terem acesso à educação e formação superior, muitas delas se destacaram no campo da literatura e contribuíram para a construção do hiragana.

Mundo afora

A língua japonesa é o idioma falado no Japão e em outros lugares do mundo onde se encontram comunidades de imigrantes e descendentes de japoneses, ou nikkei como são chamados. A maior comunidade fora do Japão encontra-se no Brasil, seguida pelos Estados Unidos e China.